Saldo PIS – Consultar Saldo do PIS Caixa Econômica – Confira!

O Saldo PIS é um programa de benefícios desenvolvido pelo Governo Federal que visa auxiliar os trabalhadores que atuam com carteira registrada e possuem baixa renda.

Mas além disso, o PIS PASEP também visa arrecadar fundos para o Banco de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Basicamente, as empresas fazem contribuições que são reunidas no Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

É através desse fundo que vários benefícios para o trabalhador são mantidos. Entre eles os mais populares são o seguro desemprego e o abono salarial.

Nesse artigo você vai aprender como consultar saldo do Pis, os diferenciais desse programa, quem tem direito a ele, e como sacá-lo. Por isso, não deixe de ler até o final!

O que é o PIS?

O PIS/PASEP (Programa de Integração Social e Formação do Patrimônio do Servidor Público) é uma iniciativa do Governo Federal que visa ajudar os trabalhadores e arrecadar fundos para FAT.

saldo pis

Todo trabalhador que atua dentro do regime trabalhista da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT), ou seja, de carteira assinada, automaticamente está inscrito no programa. Tanto aqueles que atuam em empresas privadas como servidores públicos.

Um dos benefícios que é alimentado pelo PIS saldo é o abono salarial. Esse é um valor pago aos trabalhadores atualmente, como forma de auxiliar os contribuintes de baixa renda.

Como consultar saldo PIS?

A maneira mais fácil de você consultar saldo do PIS é através do site da Caixa. Nele, você pode verificar tanto o valor disponível, como a data que ele será liberado para saque.

Confira abaixo o passo a passo do processo Caixa Pis consulta saldo:

Saldo PIS

Passo 01: Primeiramente, tenha em mãos os seus documentos e número do NIS/PIS;


Passo 02: Agora, acesso o site da Caixa Econômica Federal;


Passo 03: Digite o número do seu PIS saldo. Ele está localizado na sua carteira de trabalho, ou no cartão do cidadão;


Passo 04: Clique no botão Cadastrar Senha;


Passo 05: Você será redirecionado para uma nova página onde será possível visualizar o Contrato de Prestação de Serviço ao Cidadão;


Passo 06: Leia tudo com atenção e depois role a página até o final;


Passo 07: Clique no botão Aceito;


Passo 08: Um formulário irá aparecer. Nele será necessário preencher seus dados pessoais. Entre eles seu nome, da sua mãe; data de nascimento; número do RG e título de eleitor;


Passo 09: Agora, clique na opção Não sou um robô e siga as orientações que irão aparecer na sua tela;


Passo 10: Clique no botão Confirmar;


Passo 11: O próximo passo é criar uma senha para acessar o site posteriormente e ver seu pis saldo. Ela deve ter no máximo oito caracteres, sendo que o ideal é que você utilize números e letras;


Passo 12: Repita a senha no campo indicado;


Passo 13: Clique novamente em Não sou um robô e siga as orientações que irão aparecer na tela;


Passo 14: Clique no botão Confirmar;


Passo 15: Acesso novamente o site da Caixa para ver saldo do pis;


Passo 16: Informe novamente seu PIS e a senha que acabou de criar;


Passo 17: Clique em Não sou um Robô e depois siga as orientações;


Passo 18: Clique em OK;


Passo 19: Clique na aba PIS;


Passo 20: Agora clique em Consulta a pagamento para finalmente poder ver saldo do pis.


Pronto! Agora você já pode consultar saldo do pis. O sistema também irá te informar quando o valor estará liberado para saque.

Quem tem direito ao PIS?

Agora que você sabe como consultar saldo pis deve estar se perguntando quem tem direito ao abono salarial, que é o principal benefício do programa. Veja bem que essa é uma iniciativa que visa dar auxílio aos trabalhadores de baixa renda.

Por conta disso, para conseguir receber esse benefício é necessário cumprir alguns requisitos básicos. São eles:


01. Obrigatoriamente o trabalhador precisa estar cadastrado no PIS/PASEP a pelo menos cinco anos. Veja bem que ele precisa estar CADASTRADO no programa a esse tempo, e não estar dentro do mesmo trabalho por esse período.

O contribuinte pode ter esse tempo de cadastro, mas, ter várias experiências menores registradas em carteira;


02. Mais um dos requisitos obrigatórios que o trabalhador precisa seguir para ter direito ao PIS é receber em média dois salários mínimos de salário mensal.
Essa é uma exigência justamente pelo fato do PIS ser um benefício voltado para os trabalhadores de baixa renda;


03. Para ter direito ao abono salarial, o trabalhador precisa, também, ter trabalhado por no mínimo 30 dias de carteira assinada no ano base. Esses 30 dias não precisam ser corridos. O contribuinte pode ter atuado em vários locais, mas a somatória de dias trabalhados devem ser de no mínimo 30 dias.


Uma questão importante sobre o abono salarial é que ele é proporcional, sendo que você receberá no máximo o valor de um salário mínimo. O valor a ser recebido é feito com base na quantidade de meses que você trabalhou no ano de base.

Saiba Mais:

Como sacar o saldo do PIS?

Existem várias formas de você sacar o seu abono salarial. Antes de mais nada você precisa verificar o seu Pis saldo no site da Caixa.

Depois de consultar o valor em conta, é possível sacar o benefício de várias formas diferentes. Caso você possua o seu cartão cidadão e senha, pode ir diretamente em um terminal de autoatendimento da Caixa Econômica Federal, ou, diretamente em uma casa lotérica.

Quem é correntista desse banco terá o valor do abono salarial depositado diretamente na conta. O que é uma grande facilidade.

Agora, se você não é correntista da Caixa Econômica Federal, e não possui seu cartão cidadão, basta ir até uma agência com seu documento de identificação e número PIS que poderá sacar o benefício diretamente na “Boca do Caixa”.


O abono salarial é um benefício de grande auxílio para os contribuintes. Com ele, você pode colocar suas ondas em dia, criar um fundo de emergência, ou até mesmo dar o pontapé inicial em um novo projeto.

Por conta disso é importante ficar de olho no saldo PIS, pois, se você não sacá-lo até a data limite, ele será recolhido pelo Governo.

Ficou com alguma dúvida sobre a consulta saldo? Aproveite para deixa-la nos comentários.

Deixe um comentário